Mestrado Profissional Interdisciplinar Direitos Humanos e Desenvolvimento da Justiça - DHJUS

 

 

O Programa de Pós-Graduação Stricto Sensu em Direitos Humanos e Desenvolvimento da Justiça - Mestrado Profissional (PPG/DHJUS) é um programa interdisciplinar de pesquisa e formação profissional da Universidade Federal de Rondônia (UNIR), ofertado em parceria com a Escola da Magistratura do Estado de Rondônia (Emeron), direcionado para integrantes de instituições e representantes da sociedade civil atuantes em sistemas de justiça da região amazônica.

 

A proposta de criação do PPG/DHJUS foi elaborada em conjunto pela Universidade Federal de Rondônia – UNIR e pela Escola da Magistratura do Estado de Rondônia – EMERON, com a finalidade de atender à demanda de qualificação profissional dos membros e servidores das carreiras do poder judiciário e demais profissionais atuantes nas instituições do sistema de justiça da região.

 

O PPG/DHJUS promove a pesquisa aplicada com o fim de obter maior integração dos acadêmicos com o ambiente de trabalho, específico e único, em que atuam. As duas linhas de pesquisa do programa aliam densidade teórica com rigor e sofisticação técnica e oferecem qualificação para auxiliar na busca de soluções para os problemas surgidos no complexo contexto amazônico.

 

O Mestrado Profissional Interdisciplinar Direitos Humanos e Desenvolvimento da Justiça é um curso de pós-graduação stricto-sensu autorizado pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES), órgão ligado ao Ministério da Educação (MEC) que regula os programas brasileiros de mestrado e de doutorado. Nessa condição, o DHJUS qualifica em grau de Mestre em Direitos Humanos e Desenvolvimento da Justiça.

 

Pelas características de autofinanciamento dos mestrados profissionais, o acesso à parte das vagas do DHJUS se faz por meio de parceria celebrada pelo Tribunal de Justiça de Rondônia – TJRO com a Universidade Federal de Rondônia. A organização parceira se responsabiliza pelo custeio das atividades do DHJUS, no decorrer do desenvolvimento de cada turma, objeto do Termo de Cooperação Técnico-Científica próprio em vigor. O período de duração de cada turma compreenderá a integralização curricular e o desenvolvimento e conclusão de um projeto de pesquisa, na forma de um trabalho de conclusão de curso a ser submetido à aprovação final de uma banca examinadora em conformidade com o Regimento do Curso.